Brasileira cria sensor que identifica doenças antes do aparecimento de sintomas

 Em Destaques na Saúde

A brasileira Priscila Monteiro Kosaka conduziu uma pesquisa durante 6 anos no Instituto de Microelectrónica de Madrid, na Espanha. Lá, criou um sensor que identifica doenças como Alzheimer, câncer e hepatite com um simples exame de sangue.

O nanosensor funciona como uma espécie de trampolim e tem, em sua superfície, anticorpos, ficando mais pesado ao encontrar partículas que representam perigo.

Segundo Priscila, o aparelho muda a coloração das partículas, facilitando identificá-las. A taxa de erro é de 2 em cada 10 mil casos.

Ler matéria completa

Fonte:Hypness

Crédito de imagem:Hypness

VAMOS CONVERSAR?